Relato da Samira Close* de Goiás

Tenho evitado sair de casa sem necessidade, geralmente saio para fazer as compras da semana e para ver meus pais. Não tenho frequentado bares, shows e nem reuniões, também estou desempregada e não saio de casa para encontrar pessoas fora da minha família. Apenas em um momento no começo do ano que encontrei um amigo de longa data. Crescemos juntos mas havíamos perdido contato, e nesse isolamento social, nos reencontramos primeiro virtualmente e depois saímos para nos ver. Ou na casa dele ou em ambientes abertos mesmo, como em praças. Nunca fiz uso de anticoncepcionais de qualquer gênero porque não me relaciono com pessoas com pênis (sou mulher cis) e previno ISTs através de exames de rotina, meus e de quem estiver comigo. Não pretendo iniciar o uso de anticoncepcionais e camisinha também não faz parte da minha rotina de prevenção, mas assim que for possível irei agendar uma consulta com ginecologista para seguir acompanhando minha saúde, que ao meu ver está ótima, e também perguntar se seria vantajoso eu tomar vacina contra HPV e outras que previnam infecções sexualmente transmissíveis. Neste segundo semestre de 2021 estou inteiramente solteira, novamente. E minha rotina está mais flexível quanto ao encontro de pessoas fora do meu meio familiar mas ainda assim bem restrita.

[*Os nomes são inventados.]

Dados gerais da autora do relato:

#GO #26anos #Branca #NaoTemReligiao #EnsinoSuperiorIncompleto #JuntasNaPandemia

Publicado por Grupo RepGen

Grupo de Pesquisa Gênero, Reprodução e Justiça - RepGen. Reúne pesquisadoras da UFBA, Fiocruz e UFRJ.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: